Austrália

Austrália é o 3º país mais buscado para intercâmbio

País segue atrás dos Estados Unidos e Canadá entre as preferências dos estudantes brasileiros

Sonha em fazer intercâmbio?  Pois então considere a Austrália. Uma pesquisa divulgada pela Associação de Agências de Intercâmbio (Belta) mostra que o país dos coalas e cangurus subiu para o terceiro lugar no ranking dos destinos mais procurados pelos intercambistas brasileiros.

A pesquisa apontou que houve mudanças nas preferências dos estudantes. Desde o último estudo, em 2013, o top 3 dos destinos mais cobiçados pelos brasileiros era formado por Canadá, Estados Unidos e Reino Unido. Agora, os dois primeiros países se mantém, mas o terceiro lugar passa a ser ocupado pela Austrália, que antes ocupava a quinta posição.

O maior país da Oceania chama atenção dos estudantes brasileiros por apresentar diversas vantagens em relação a outros destinos. O dólar australiano, por exemplo, é mais acessível do que a moeda dos Estados Unidos. Em comparação ao Canadá, o clima australiano é mais agradável e, ao mesmo tempo, mais parecido com o do Brasil. Outra vantagem é que na Austrália é possível estudar e trabalhar legalmente.

Há ainda outros elementos que deixam a Austrália tão fascinante quanto os Estados Unidos e o Canadá. A hospitalidade do povo e a qualidade de vida do país são alguns deles. Além disso, o grande número de imigrantes em território australiano faz com que o estudante brasileiro sinta menos o choque cultural. O intercâmbio é visto pelos estudantes como uma maneira de obter diferencial na carreira, consequentemente aumentando sua chance de empregabilidade.

No ranking, depois dos três primeiros, seguem Irlanda (4º), Reino Unido (5º), Nova Zelândia (6º), Malta (7º), África do Sul (8º), França (9º) e Espanha (10º). Os fatores que mais foram levados em conta na escolha dos países teriam sido custo de vida e moedas mais favoráveis pelo câmbio, além da possibilidade de trabalhar legalmente de forma paralela ao programa de estudos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *