Austrália X Brasil

Austrália x Brasil: as diferenças culturais

Austrália x Brasil

Apesar de estar praticamente do outro lado do planeta e de um fuso horário com 13 horas de diferença, a Austrália é escolhida por muitos intercambistas por ter um clima parecido com o do Brasil. O continente-ilha, como o país é chamado, possui praias paradisíacas e uma natureza tão espetacular quando a nossa. Além disso, a população multicultural reforça ainda mais as semelhanças com nosso país. Porém, antes de embarcar rumo à terra dos cangurus, é essencial conhecer algumas particularidades da cultura australiana que podem influenciar em sua desenvoltura como imigrante. Confira como evitar gafes e entenda alguns costumes que você encontrará por lá:

Papel higiênico não é higiênico

Nada anormal em ir ao banheiro e jogar o papel sujo em um cestinho de lixo, não é mesmo? Para muitos australianos isso é algo completamente nojento. As tubulações de esgoto dos banheiros são preparadas para receber o papel, portanto, descarte-o no próprio vaso sanitário. As lixeiras são utilizadas para descartar outras coisas, como cotonetes, algodões e absorventes, por exemplo.

Fio dental apenas no dente e cerveja em locais fechados

Apesar de estarem acostumados ao topless, o biquíni fio-dental é extremamente mau visto nas praias australianas. Em alguns casos chega a ser ofensivo e, em outros, pode ser motivo de piada e comparação ao maiô do personagem Borat, do humorista Sacha Cohen. Diferentemente do Brasil, também não é possível combinar cerveja + praia. Diversas praias do país são alchool free zones, ou seja, o consumo de álcool é proibido. E quem for pego consumindo ilegalmente pode ser multado.

Trânsito organizado para todos

Na Austrália o trânsito é regido pela mão-inglesa, ou seja, os motoristas dirigem do lado direito da pista e do carro. Essa diferença costuma confundir muitos brasileiros, mas, como tudo, é questão de prática para se acostumar. E se você é pedestre, fique atento às regras de trânsito. Há sinais específicos para quem está a pé e você deve acioná-lo para atravessar a rua. Além disso, respeite a faixa de pedestre. A legislação é dura e a fiscalização mais ainda: pedestres desobedientes às leis de trânsito podem receber salgadas multas.

Está sem pressa? Fique do lado esquerdo

Falamos anteriormente que o trânsito australiano segue a mão inglesa, porém essa regra acaba sendo refletida também para o trânsito de pedestres. Em algumas cidades, é comum andar no mesmo lado da calçada como se estivesse dirigindo na rua. Por exemplo, se você está procurando algo ou observando vitrines, espera-se que você mantenha-se no lado esquerdo, para quem está com pressa consiga ultrapassá-lo rapidamente. Isso vale também para as escadas rolantes. Se você não tem pressa, fique à esquerda, para que o lado direito fique livre àqueles que não podem aguardar a velocidade da escada.

Etiqueta de eventos

Se aqui no Brasil a maioria não gosta de ser o primeiro a chegar a uma festa e o atraso de alguns minutos é quase um código social, para os australianos a coisa é bem diferente. Se uma janta na casa de alguém, por exemplo, foi marcada às 20h, é exatamente às 20h que ela começa e atrasos não são bem vistos. Até porque, geralmente os eventos têm hora para acabar e as nossas “saideiras”, que acabam prolongando as comemorações, não são comuns por lá. Horários de início e fim devem ser respeitados.

Leve a sério o BYO

Chegou na Austrália e não entendeu a sigla “BYO” em um convite para uma festa? Ela significa “Bring Your Own” e indica que você pode ou deve levar sua própria bebida. E lembre-se: se levou uma bebida barata, não espere que um australiano goste que você beba a bebida cara dele. Além disso, essa sigla também pode ser encontrada em alguns restaurantes que não têm licença para vender bebida alcoólica. Fique ligado!

Estando em um país estrangeiro, é essencial respeitar os costumes locais e, na medida do possível, aprender a praticá-los no dia a dia. Essa é mais uma forma de você aprender sobre a cultura e tornar seu intercâmbio ainda mais rico! Enjoy!

This Post Has 2 Comments

  1. Eu morarei na australia daqui a uns tres meses com minha mae que e australiana, meus avos eram australianos tambem, na segunda guerra mundial nos fomos obrigados a fugir ao brasil, os brasileiros nos para morarmos aqui entao, minha mae conheceu um brasileiro e eu nasci aqui no brasil, meus pais morreram em um acidente de carro quando tinha 20 anos de idade, isso foi o ano passado e minha vó foi morar de volta na australia com meu avô… Em fim, essas dicas da cultura foram muito uteis, só de pensar que eu iria abrir uma cerveja quando eu chegasse la logo no avião eu comesso a rir, obrigago

  2. Para entender a grande diferença entre brasil e EUA temos que lembrar das aulas de História onde aprendemos que os EUA foram ocupados para morar, por isso a infraestrutura, a civilização e o controle lá são desenvolvidos. Muito diferente do Brasil, onde Portugal só queria extrair as riquesas das Capitanias Brasileiras, Por isso somos tão largados,pois desde aquela época até hoje não temos uma política organizada, urbanização planejada lei respeitadas e civilidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *