USDnotes

Dólar australiano, mais em conta do que o americano e canadense!

Dólar australiano é o mais em conta do momento

Uma das maiores dúvidas para quem vai estudar e viver na Austrália diz respeito ao custo de vida no país. Esta é uma informação importantíssima para definir a quantia que você deve levar do Brasil e também para saber se caso você pretenda arranjar um emprego por lá, ele seja suficiente. A boa notícia para nós é que o dólar australiano está com uma cotação mais baixa se comparado com o americano e canadense.

O cálculo do custo de vida depende de diversos fatores, principalmente do estilo de vida que cada um está disposto a levar por lá. Se você buscar acomodações em bairros mais nobres e se alimentar em restaurantes todos os dias, obviamente terá um custo de vida mais caro do que uma pessoa que mora em um bairro mais barato e prepara suas refeições em casa. Mas é possível levantar uma média e quanto custa viver na cidade que você escolheu.

Os órgãos de turismo e emigração do governo australiano oferecem algumas informações básicas para que você possa ter uma noção de quanto custa viver nas principais cidades. A seguir, você encontra um guia para planejar os gastos e aproveitar ao máximo sua viagem. Confira:

Sydney

Sydney

Sydney é uma das cidades mais modernas e com melhor estrutura, e isso se reflete no custo de vida. Comparando-se com as outras cidades australianas, Sydney é disparada a que tem maior custo para se viver. Mas esse custo é relativo, já que por lá também se encontram os melhores salários pagos no país.

A Universidade Macquarie oferece um guia para os alunos estrangeiros que estão se mudando para lá. Segundo a instituição, o custo anual de vida em Sydney fica entre AU$ 18,500 (quase R$ 40.000) e AU$ 21,000 (quase R$ 45.000).

Melbourne

Melbourne

A cidade de Melbourne, localizada no estado de Victoria, é menos badalada que Sydney, mas oferece uma estrutura tão boa quanto para se viver. No caso do transporte público, Melbourne oferece um sistema bem mais eficiente do que o de Sydney. Mas as diferenças não param por aí, os preços em geral são menores em Melbourne.

O governo do estado de Victoria oferece um portal com informações, inclusive em português, sobre o custo de vida em suas cidades. Para se ter uma ideia, o aluguel em Melbourne fica em torno AU$180 semanais (cerca de R$ 380).

Brisbane

brisbane

O estado de Queensland, onde estão situadas as cidades de Brisbane, Gold Coast e a Sunshine Coast, geralmente tem um custo de vida mais barato do que suas companheiras de costa do Pacífico. Segundo dados da prefeitura de Brisbane, um estudante estrangeiro tem um gasto semanal de aproximadamente AU$380 (praticamente R$ 800,00), já incluindo aluguel, alimentação, transporte e lazer.

Perth

Perth

A cidade de Perth fica na costa do oceano Indico, portanto bem distante das principais cidades australianas, que ficam do outro lado do país. Essa distância também se reflete no custo de vida por lá, Perth é bem mais acessível, com uma estimativa de gastos em torno de AU$250 semanais.

Demais cidades australianas

Se você busca informações sobre o custo de vida em outras cidades australianas, vale a pena conferir o Numbeo, um site que compila números e dados de cidades do mundo todo. As informações são atualizadas constantemente pelos próprios moradores de cada lugar. Ele exibe uma média de preços de aluguel, restaurantes, produtos de supermercado e muito. Basta selecionar a cidade que você procura.

Agora você já tem uma ideia de quanto custa morar nos paraísos australianos. Independente dos valores, a experiência de morar em qualquer cidade da Austrália será única, e a bagagem adquirida não terá preço. E aí, vamos para a Austrália?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *